Apresentacao No 25 dos Jurnais – Mozambique


REFLEXAO 25 logoDestaques

  1. Mussumbuluku e chineses interceptam nossas comunicações

Está em marcha a implementação de um tenebroso projecto de intercepção de comunicações para espiar cidadãos. O Governo quer ouvir as nossas chamadas telefónicas, ler as suas mensagens (sejam por sms, e-mail, watsap, viber).

Armando Guebuza entregou o projecto à empresa do seu filho Mussumbuluku Guebuza, denominada “Msumbiji Investment Ltd”, que por sua vez, chamou a empresa chinesa ZTE para fazer o trabalho.

O projecto esta orcado em 140 milhoes de dólares. Mussumbuluku cobrou à ZTE comissão de 8%.

  1. Depositados em vala comum na região de Canda
    • Descobertos mais de 100 corpos humanos na Gorongosa

A Policia e o Governo de Sofala desmentem as informações, alegando que são tendenciosas.

Forcas de Defesa e Segurança impedem acesso de uma delegação do MDM à vala comum.

NOSSA REFLEXÃO

Ontem, o Estado da Nação não era satisfatório. Mas hoje, o real Estado da Nação é péssimo. Tenção político-militar na ordem do dia, Dívidas ocultas, valas comuns, parcerias público-privadas camufladas.

A tenção político-militar continua a degenerar-se a passos alarmantes um pouco por toda a região centro do país. E o povo continua mergulhado em incertezas profundas e sem claras evidências de solução, isto porque a vontade política dos beligerantes parece estar muito longe de se unir para uma mesa redonda. As crianças que são o garante do futuro da nação, vêem os seus mais preciosos direitos a saúde e a educação adiados ou mesmo relegados para a prateleira do desconhecido.

As últimas informações indicam que a nossa divida pública atingiu os níveis mais alarmantes de todos os tempos a nível de toda África. E agora? Estas dívidas contraídas em nome do Estado, enquanto na verdade era para enriquecer um grupo de pessoas, será que os nossos impostos conseguirão amortizar toda essa desgraça? Afinal, quem mesmo deve pagar por este escândalo? O Povo? E Guebuza? Chang? Nyusi? (Este último era na altura Ministro da Defesa Nacional).

Em Canda, numa das regiões da Gorongosa, soaram a dias a existência de uma vala comum com corpos humanos. Mas o governo do dia parece estar a encobrir tudo alegando como sempre, trata-se de uma invenção. Será? Se se trata de uma invenção como alegam, porque há tanta forca no local para impedir o acesso ao local? Ou é mentira, ou é verdade.

Por favor: Devolvam-nos o sossego, a concórdia, harmonia, a tranquilidade, a liberdade e a Paz que são os únicos garantes da dignidade de um Povo por um lado e por outro são estas, as sementes que possibilitam a construção de uma sociedade moderna democrática de direito e de justiça social.

Só nos resta PEDIR A DEUS PAI-TODO-PODEROSO QUE NÃO ABENDONE O SEU POVO. PAI, TENDE MISERICÓRDIA DE NÓS, TE IMPLORAMOS SENHOR.

A luta continua…. “Enquanto não encontrarem-se a misericórdia e a fidelidade, enquanto não abraçarem-se a paz e a justiça”, não calaremos….

O Secretário: João Dambiro      –     O Coordenador: Fidel Salazar   

REFLEXAO 25

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s